PSICÓLOGO RENOMADO.

Mais de 20 anos de experiência. Profissional com formação internacional. A primeira consulta sem custo. Você merece a melhor ajuda. Comece a resolver agora!

 

Vida sem Glúten e Saudável pela Yogaterapia

A intolerância ao glúten tem sido uma manifestação cada vez mais frequente, e seus sintomas são os mais diversos. Muitas vezes a baixa qualidade de vida, ou fraco desempenho, pode estar associado à uma alimentação não saudável. Neste momento a filosofia do Yoga, e sua expressão transformadora na Yogaterapia, tem uma contribuição significativa.

Durante décadas, os indivíduos diagnosticados com doença celíaca foram simplesmente caracterizados com problemas gastrointestinais medonhos, mas com mais pesquisas, esta desordem auto-imune multissistêmica é agora conhecida por ser causada pela intolerância permanente ao glúten , predominantemente encontrada em indivíduos geneticamente suscetíveis. O glúten é a principal proteína de armazenamento de trigo, centeio e cevada. Embora o glúten seja encontrado principalmente nos alimentos, é até um ingrediente nos produtos do dia-a-dia, como remédios, vitaminas, hidratantes labiais, massa de modelar, cremes dentais e adesivos.

Surpreendentemente, mesmo se você não tiver uma intolerância ao glúten, você ainda pode ser um pouco sensível a ela, sentindo sintomas que variam de inchaço e desconforto a erupções cutâneas. Então, se você acha que você e o glúten não se misturam, você pode estar certo. No entanto, a mania da saúde pode nem ser relacionada ao glúten, mas sim um efeito placebo. Pessoas que eliminaram o glúten da dieta podem realmente estar se sentindo melhor e perder peso, porque eles estão consumindo menos processados ​​e fast foods e buscando opções mais saudáveis, como frutas, legumes e certos grãos integrais. Uma dieta rica em glúten pode significar que você está consumindo carboidratos simples e açúcares, duas coisas que são digeridas rapidamente, fazendo com que você coma mais vezes do que deveria, elevando sua ingestão calórica e fazendo com que você ganhe peso.

Não só a Yogaterapia pode orientar, com a tradicional indicação de uma dieta satívica (equilibrada), que é livre de glúten, assim como atletas também se beneficiam dela. No meu caso em particular, a cura do câncer foi especialmente ajudada pela mudança alimentar. (Saiba mais sobre Vitor Caruso Jr.)

Djokovic, um dos melhores tenistas da história do Tênis, é bem conhecido por sua devoção a comer bem, e sua ascensão inicial topo coincidiu com o fato de adotar uma dieta sem glúten. Ele também publicou um livro de dietas e abriu um restaurante vegano, Eqvita, em Mônaco.

Uma dieta bem equilibrada, cheia de cereais integrais, vegetais, e frutas fará o truque. E você tem que ter cuidado com produtos sem glúten. Muitos deles têm um teor de gordura escandalosamente alto para compensar a falta de sabor. Por isto a ciência por trás da Yogaterapia nos mostra que os alimentos naturais, bem balanceados, e ricos em micronutrientes podem nos garantir todas as necessidades orgânicas.

São muitos os casos de pessoas passarem por situações de forte reação alérgica, ou cansaço, e após a adoção desta alimentação mais saudável ganham significativa melhora em sua qualidade de vida e performance. Este é o caso por exemplo do tenista sérvio, Novak Djokovic, que assumiu o topo na sua carreira após adotar este tipo dieta.

Não só Djokovic, mas as irmãs Williams, Serena e Venus, também importantes jogadoras de tênis, adotaram dietas similares à de Djokovic, vegana, com o predomínio de frutas, vegetais, castanhas e sementes. No caso delas, tudo iniciou pela intolerância ao glúten de Venus.

Você pode aprender muito através da Certificação em Yogaterapia, ou nos atendimentos com Vitor Caruso Jr.

São diversos os casos de melhora e superação como estas pela alimentação mais natural. Na certificação em Yogaterapia estudamos diversas curas comprovadas por décadas de registros, como por exemplo a Terapia Gerson para cura do câncer, e que estão plenamente alinhados com as propostas satívicas (equilibradas) da filosofia do Yoga.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.