Tivemos em nossa família a notícia de vários despedidas no dia de hoje.
Despedidas que me trouxeram o ensinamento de Jesus em João 3, 15:
“Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.”
Nesta frase, Jesus conversava com Nicodemos, e falava sobre a importância de se crer em Deus. Este ensinamento ainda reforça sua fala em João 10, 10:
”…eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.”
Despedida
Jesus nos fala em vida em abundância, e em um Deus amoroso, que nos presenteia com a vida eterna.
Realizemos quão eterno é o amor que nos une. Amor que mantém vivo em nossa memória o carinho e os momentos daqueles que não estão presentes fisicamente.
Amor que permeia nossos risos, nossos momentos de convivência, nossas alegrias, e até nossas situações de sufoco, e também da necessidade de ajuda. Este amor marca em nossa memória tão importantes momentos, e contamina quase todos os nossos gestos futuros.
Em nossos gestos futuros perpetuamos esta marca de amor, manifestamos a eternidade do amor divino, realizamos o ensinamento de Jesus, e percebemos a grandeza da Criação.
Sempre vi o meu querido Mestre e Professor Hermógenes dizer a muitos que sofriam neste momento: “Você nada perdeu, você apenas devolveu a Deus o que ele lhe emprestou. E por este empréstimo, deveria ser eternamente grato.”
Obrigado Senhor, por permitir pessoas tão maravilhosas em minha vida.
Irmão Vitor Caruso Jr., em Julho de 2012.

Quer receber novos textos?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *