Conheça a Terapia Meditativa, vai ajudar você a superar seus obstáculos e alcançar as suas metas. ATENDIMENTO ONLINE, SEM SAIR DE CASA.

Porque meditar virou coisa de craque

Porque meditar virou coisa de craque nas celebrações dos gols.
O jovem atacante norueguês, Haaland, tem celebrado seus gols em postura de meditação.
Ao procurar saber o porquê, vi que a maioria dos jornalistas esportivos está desinformado sobre o tema.
Uma das exceções é o jornalista do Esporte Interativo, Bruno Formiga, que chegou a abordar melhor esta história.
Aqui vou dar mais detalhes sobre a celebração e o que está por detrás dela.

Porque meditar virou coisa de craque, começou com quem necessariamente não medita.

Engraçado, mas é isto mesmo.
O primeiro registo da celebração em formato de meditação, foi do jogador francês Antoine Griezman.
Hoje, quando escrevo este texto, Griezmann é jogador do Barcelona.
Em Novembro de 2018, em partida que o Atlético de Madrid venceu por 2 x 0 o time do Mônaco, o atacante estreou a celebração.
Nenhum conteúdo mais profundo, além de representar a tranquilidade do segundo gol que decidia o jogo.
Griezmann já era famoso por algumas celebrações polêmicas, como na Copa do Mundo da Rússia.
Griezmann yoga - Porque meditar virou coisa de craque

Porque meditar virou coisa de craque que pratica Yoga

Meses depois, em Abril de 2019, Mohammed Salah, o atacante da campeã equipe do Liverpool, faz exatamente a mesma celebração.
Mas já em um contexto muito diferente.
Salah Meditation - Porque meditar virou coisa de craque
Quando questionado, Salah afirmar ser um homem de Yoga.
Prática que realmente ele adepto, além de sério compromisso com a prática de sua religião, o islamismo.
E isto traz outro contexto.
Salah é vítima de forte preconceito religioso que vem das arquibancadas.
Com frequência a torcida adversário o chama de homem-bomba, no sentido de terrorista.
E sua resposta, com gols e a postura de Yoga, envia uma clara mensagem de universalismo.
O Yoga é uma prática com raízes hindus, tradição que tem problemas históricos com o islamismo.
Quando Salah se apresenta desta forma, e variando as posturas de Yoga ao celebrar, manda uma forte e bela mensagem para todos.
Salah Yoga - Porque meditar virou coisa de craque

Porque meditar virou coisa de craque como o atacante norueguês Haaland.

Hoje jogando no time alemão do Borussia Dortumund, Erling Haaland tem surpreendido com a regularidade de seus gols aos 19 anos.
Em Outubro de 2019, Haaland iniciou a prática da celebração de gols em meditação.
Jogo em que seu time na época, o Red Bull Salzburgo, perdeu do Napoli por 3×2.
A história começa com a rotina que ele estabeleceu com seu companheiro de time, de meditar antes de entrar em campo.
E como a estratégia está funcionando, ele trouxe a lembrança para as celebrações dos gols.
Haaland meditation - Porque meditar virou coisa de craque

Meditar sim é coisa para grandes esportistas

Na natação, a visualização é parte fundamental de um bom treinamento.
Outros esportes como tiro, salto com vara, salto em distância, também se destacam por ter atletas que abusam da meditação para suas performances.
Mas se você quiser ler sobre como foi difícil colocar grandes estrelas para meditar, leia o livro Onze Anéis de Phil Jackson.
Ele foi o treinador da incrível equipe campeã de basquete do Chicago Bulls.
Dá detalhes de como ensinou Michael Jordan, David Rodman e Scott Pipen a meditar.
Jordan Phill - Porque meditar virou coisa de craque

Abaixo deixo um vídeo falando um pouco mais sobre o benefício da meditação para os esportes.

 

 

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.